Sintomas de Raiva

A raiva é uma doença que chega a ser fatal para os mamíferos

Artigo publicado por Maria nas categorias: Bem-Estar, Saúde

Das doenças transmitidas dos cachorros para os seres humanos, a raiva é considerada uma das piores delas. Os principais sintomas de raiva em humanos são paralisia de membros inferiores que se estende a todo o corpo; depressão mental; agitação; sensação de mal-estar; febre; salivação intensa; contrações dolorosas da garganta e do aparelho vocal.

O que é a Raiva?

A raiva é causada por um vírus que ataca o sistema nervoso central e afeta apenas os mamíferos. A transmissão ocorre através do animal infectado para o sem a doença através da saliva quando é mordido, lambida de feridas abertas, arranhões e mucosas. Também já foram registrados casos de transmissão pela placenta da mãe para o bebê, aleitamento, via inalatória e entre pessoas no transplante de córnea.

O principal transmissor da raiva são os cachorros, seguidos por gatos e na vida selvagem por morcegos que se alimentam de sangue [hematófagos], lobos, raposas e coiotes. Animais com suspeita da doença devem ser isolados e ficar em observação ou sofrer eutanásia para realização do exame do cérebro. Os sintomas de raiva em gatos e outros animais são similares.

Sintomas da Raiva em Animais

O Sintoma de raiva em cães começa com alterações de comportamento como agitação, perda de apetite e agressividade. Depois apresenta falta de coordenação motora, paralisia de alguns músculos da deglutição e da mandíbula (salivação e dificuldade de deglutição). O latido fica diferente também. Em 11 dias o animal pode vir a  falecer.

Sintomas de Raiva

Sintomas da Raiva em Humanos

Nos sintomas de raiva humana, os primeiros a aparecerem são moléstia, febre, dor de cabeça e depressão nervosa. A pessoa então começa a ficar mais agitada sofre espasmos dolorosos na laringe e faringe e começa a respirar e engolir com dificuldade. Os espasmos se estendem ao longo do corpo e das extremidades dos membros, e começam tremores, taquicardia e parada da respiração. Começam então os delírios e agressividade e se nota uma paralisia flácida da face, língua e músculos. A evolução da doença é fatal e leva ao óbito.

Como identificar a doença?

Quando se percebe sintomas de raiva canina nos animais, é feito um teste direto fluorescente. Para fazer o teste, é preciso um pedaço do tecido cerebral do animal e só pode ser feito depois da sua morte. Nas pessoas, o teste é feito com amostras de saliva, fluido espinhal, plasma e pele. Apenas um teste não é suficiente para identificar a doença.

Para mais informações sobre raiva em humanos, assista a este vídeo:



Comente!




*Campos obrigatórios