Síndrome Dos Ovários Policísticos: Sintomas

Entenda tudo sobre o Ovarios Policisticos.

Artigo publicado por Maria nas categorias: Bem-Estar, Mulher, Saúde

Síndrome de Ovário Policístico é um desequilíbrio de hormônios sexuais femininos, ou estrógenos, que pode causar pequenos cistos nos ovários, alterações do ciclo menstrual, alteração na pele, dificuldade para engravidar, entre outros. Essa é uma das principais causas de infertilidade entre mulheres.

É preciso ressaltar que ter um ou dois cistos no ovário não caracteriza um ovário policístico. A síndrome caracteriza-se por vários cistos no ovário, de dez a vinte cistos de meio centímetro de diâmetro. Os cistos costumam ser únicos e maiores que os cistos da síndrome. Os cistos são como pequenas bolsas de água que podem atrapalhar o funcionamento dos ovários, interferindo na fertilidade e na produção normal de hormônios.

Sintomas

Os sintomas da síndrome do ovário policístico são: alterações menstruais é o sintoma mais típico, mas como muitas mulheres têm alterações menstruais de vários tipos, é importante salientar que as alterações causadas pela síndrome são de menstruação espaçadas, em que se menstrua a cada dois ou três meses, ou menstrua apenas duas ou três vezes por ano.

SOP

Outro sintoma é o aumento de pelo no rosto, nos seios e no abdômen; ganho de peso também pode ser um sintoma e um elemento que piora os sintomas da síndrome. Outro sintoma que pode caracterizar a síndrome do ovário policístico é a acne, que aparece muito em qualquer condição hormonal que faça com que o nível de testosterona aumente.

Faz-se o diagnóstico da síndrome através de ultrassom que irá mostrar os cistos nos ovários; mas também pode ser identificado no toque do exame de rotina no ginecologista. O ovário policístico pode inchar muito e chegar até vinte centímetros cúbicos (o ovário normalmente possui nove centímetros cúbicos).

Tratamento

A síndrome é crônica e deve-se fazer tratamento com pílula anticoncepcional, ela regula as menstruações e acaba com as acnes e os pelos que aparecem com a síndrome. Para mulheres que querem engravidar, o tratamento deve ser feito com medicamentos que estimulam a ovulação. Não é sempre que se resolve o problema da infertilidade, mas a fertilização in vitro pode ser feita em mulheres que sofrem da síndrome do ovário policístico.

Para mais informações sobre a síndrome dos ovários policísticos, assista ao vídeo abaixo:



Comente!




*Campos obrigatórios