Ensinando Uma Criança a Andar- Primeiros Passos

Tenha dicas de como ensinar sua criança andar.

Artigo publicado por Maria nas categorias: Bem-Estar, Criança

Aprender a andar é uma das mais importantes lições da nossa vida quando crianças, sendo seus primeiros passos um dos momentos mais memoráveis para toda a família. Por isso, é importante que os pais estimulem e ensinem suas crianças a andarem, mas é importante respeitar o ritmo da sua criança. Não é porque o filho da sua amiga já está andando que você vai se desesperar.

A maioria das crianças começam a andar próximo ao primeiro aniversário, mas pode variar de nove meses a um ano e meio. Alguns movimentos que seu bebê pode estar fazendo são sinais de que ele está pronto para começar a aprender a andar: escalando escadas com a mão, engatinhando rapidamente, andando como caranguejo e rolando.

Encorajando seu Bebê a Andar

Desde o nascimento você já pode fazer alguns exercícios para ajudar seu filho ou filha a andar quando estiver pronto. Os bebês precisam ter os músculos das costas e do pescoço fortes. Coloque o bebê deitado de barriga para baixo e estimule-o a levantar o pescoço e olhar para várias direções enquanto deitado.

Como ensinar uma criança a andar

Quando o bebê já estiver se sentando, faça um exercício simples com ele: role uma bola para ele e o estimule a rola-la para você. Assim ele se inclina para frente e para os lados e vai exercitando o equilíbrio. Quando o bebê já estiver em pé, deixe-o brincar com o andador, pois assim ele ou ela vão praticando o equilíbrio de andar com um suporte que o deixa mais seguro. Quando ele estiver no andador, deixe-o descalço porque os pés devem ser moldados enquanto o bebê anda.

Ensinando o Bebê a Andar

O bebê anda sozinho, mas você pode passar um tempo com seu filho ou filha estimulando-os a andar.

Um exercício que você pode fazer é ficar a um metro de distância do bebê, colocar a mão no chão e chama-lo para que ele se esforce para ir até você. Não ajude a criança! Deixe-a experimentar seus movimentos: O chão, as rotas, os pés e as mãos. Deixe-a se movimentar livremente, mas sempre por perto.

Outro bom exercício é apoiar a criança em pé e deixa-la dar passinhos enquanto você a segura. Vá soltando-a devagar, sempre segurando quando ela cair, até que a criança consiga dar seus passos sozinhas.



Comente!




*Campos obrigatórios