Copa do Mundo no Brasil

O país do futebol sediará o maior evento do esporte em 2014, confira quais são as cidades-sede, investimentos e muito mais.

Artigo publicado por Maria nas categorias: Economia, Entretenimento, Esportes, Variedades

Em 2014, o maior evento futebolístico do mundo acontecerá no Brasil. Depois de muitas tentativas e investimentos, a FIFA nos cedeu o direito e prazer de sediar uma copa do mundo no Brasil. Hoje, as maiores capitais, que serão sede de jogos e terão a atenção de dezenas de emissoras de televisão do mundo, passam por uma repaginada para fazermos bonito nesse evento de grande porte.

As cidades-sede da Copa do Mundo no Brasil

As capitais escolhidas para sediarem jogos da copa no Brasil, foram escolhidas pela comissão organizadora do evento juntamente com a FIFA. São 12 cidades das cinco regiões do Brasil que receberão um investimento de mais de 25 bilhões de reais até o ano de 2014. Os investimentos foram direcionados para reestruturação de vias, estádios, aeroportos e rede hoteleira.

As cidades escolhidas para sediarem a copa 2014 foram: Belo Horizonte, Brasília, Cuiabá,  Curitiba, Fortaleza, Manaus, Natal, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, São Paulo e Salvador.

Copa do Mundo no Brasil

Os estádios da Copa do Mundo 2014:

Os estádios que receberão a copa de 2014 no Brasil passarão por uma repaginada e estão sendo praticamente reconstruídos. São investimentos bilionários que através de projetos, transformarão nossos estádios em centros esportivos de última geração. Os estádios brasileiros escolhidos para a Copa do Mundo são: Mineirão em Belo Horizonte, Maracanã no Rio de Janeiro, Castelão em Fortaleza, Mané Garrincha em Brasília, Fonte Nova em Salvador, Arena da Baixada em Curitiba, Arena Pantanal em Cuiabá, Arena Pernambuco em Recife, Arena Corinthians em São Paulo, Arena Amazônia em Manaus, Beira Rio em Porto Alegre e Arenas das Dunas em Natal.

Investimentos Realizados:

Foram cerca de 25 bilhões investidos e distribuídos de acordo com a necessidade de cada cidade-sede. Todas apresentaram projetos de reestruturação para as cidades-sede que foram criteriosamente analisados e aprovados de acordo com o que a organização da copa julgou necessário.

Os dois maiores investimentos da Copa do Mundo 2014 foram voltados para São Paulo e Rio de Janeiro onde serão as sedes de abertura e fechamento, respectivamente. As cidades receberam um apoio maior da FIFA na reestruturação dos seus estádios assim como nos eventos que abrirão e fecharam a copa de 2014.

Estima-se que além dos investimentos na Copa partindo de fundos governamentais, existam os gerados por empresas privadas que estão por conta própria, reorganizando suas estruturas assim como grandes redes do ramo que estão expandindo suas filiais para as cidades sedes, visando a ter um maior reconhecimento da marca.

Para mais informações sobre a Copa do Mundo 2014, assista a este vídeo:



Comente!




*Campos obrigatórios