Como Zerar o Cartão de Crédito

Algumas dicas são importantes na hora de reparar a dívida do cartão de crédito

Artigo publicado por Maria nas categorias: Economia, Variedades

Para aqueles que adoram o cartão de crédito, é preciso tomar cuidado e muitas vezes rever seus conceitos na hora do uso. O Brasil ainda é o país que mais cobra juros no cartão de crédito, mas o consumidor não percebe por evitar fazer as contas. Portanto, é importante saber como zerar o cartão de crédito.

Quando se acumula uma dívida no cartão de crédito, é preciso parar e planejar como pagar as dívidas do cartão. Fazer um empréstimo para sanar a dívida pode ser melhor, os juros são mais baixos que os do cartão. Para começar o planejamento com intuito de zerar a dívida do cartão de crédito, faça uma lista de quantos você tem e a dívida total e juros de cada um. Muitos acabam pagando os valores mínimos das faturas, o que caracteriza um erro, uma vez que os juros cobrados em cima deste tipo de pagamento são altos.

Dicas para zerar o cartão de crédito

A dica mais importante para o início de um bom planejamento é quebrar ou esconder o cartão, enquanto ele estiver à vista é mais tentador seu uso, e continuar usando e ganhando novos valores não levará à quitação da dívida. São dois os métodos mais sugeridos por consultores financeiros, o primeiro é começar pagando a menor dívida e acumular dinheiro para pagar as mais altas.  A segunda é pagar primeiro os cartões com a taxa de juros mais alta.

Como zerar o cartão de crédito

Para acabar com a maioria das dívidas o ideal é poupar dinheiro diariamente ou mensalmente, deixar de tomar aquele café ou fazer aquela compra supérflua já fazem diferença. Com esforço, é possível quitar a dívida e não precisar recorrer a empréstimos. Enquanto não consegue pagar o valor total, faça uma negociação com a empresa do cartão para pagar aos poucos.

Para dívidas muito altas a solução pode ser recorrer a um empréstimo no banco, fazendo assim o pagamento total da divida. Os juros dos empréstimos no Brasil são mais baixos que os do cartão. Por isso, todos os cuidados são necessários no uso do cartão de crédito para não comprometer o orçamento familiar. Muitos se esquecem que a compra que está sendo feita com ele será paga com a chegada da fatura e podem ter que reparar o crédito no final.

Para mais dicas de como renegociar as dívidas do cartão, assista a este vídeo:



Comente!




*Campos obrigatórios