Como Escolher Um Tablet

Saiba como escolher um tablet

Artigo publicado por Maria nas categorias: Variedades

A tela, o processador e a memória são apenas alguns dos vários itens a serem observados na hora de escolher um tablete, por isso saiba a seguir algumas dicas que poderão fazer toda a diferença na hora de você comprar um tablete.

Cada vez mais no Brasil os mercados de tablets estão aquecidos. E para se ter ideia as vendas já cresceram mais de 200% de 2013 para cá. Levando em conta outros períodos é possível se perceber consideravelmente um crescimento de mercado de tablets no Brasil, com novos modelos para todos os gostos e bolsos ficam até mesmo dúvidas na hora de comprar algum.

 

Principalmente em épocas festivas este aparelho mais uma vez deverá estar entre um dos itens considerados como mais procurados. Apesar disto escolher um tablete ideal é bem mais do que reparar em seu tamanho de tela. Muitos itens devem ser levados em conta, como por exemplo o processador, a memória, tudo isto deve ser levado em conta na hora de comprar o mesmo. Por isso a seguir iremos o ajudar a escolher da melhor forma possível o seu tablete.

Os preços dos tablets

De forma geral o mercado brasileiro conta com tablets de categorias diferenciadas. Com isto os aparelhos básicos, que tem valores inferiores a R$ 500 costumam normalmente economizar na memória de dispositivo e oferecer o necessário apenas para algumas tarefas consideradas mais básicas. Neste tipo de segmentos temos tablets mais simples que podemos citar, dentre eles temos o DL, o Foston, o Newlink o SpaceBR entre várias outras marcas que são utilizadas.

Segmentos intermediários de tablets

Quanto a uma segmentação intermediária de tablets podemos citar alguns aparelhos que tenham um valor de até R$ 1000 dentre eles temos os tablets com a melhor relação existente entre o custo e benefício. Estes aparelhos possuem uma configuração um pouco mais robusta e uma tela com maior qualidade. Dentre aparelhos deste tipo de categoria podemos citar o Positivo Mini, o MemoPad HD7, da Asus e o Slate 7, da HP.

tablet em uso

Em seguida temos um segmento superior que são de tablets com valores que ficam acima de R$ 1.000 e são os mais poderosos. Neste tipo de categoria é que estão os modelos iPad Air e também o iPad Mini e aparelhos também da linha Galaxy Note que são muito requisitados no mercado. Neste caso os investimentos valem mais para quem é fã dos games e ainda pretende utilizar outros aplicativos que são bem mais pesados como por exemplo aplicativos para edição de fotos e vídeos pesados que puxam muita memória do dispositivo.

O Android é o sistema criado pela Google que faz mais sucesso entre os tablets de diversos fabricantes, certamente é o líder disparado no mercado brasileiro dos tablets. Este é um sistema que tem boa qualidade e quantidade de aplicativos, mas apesar disto exige dos usuários que se tenha cautelas para baixar os novos programas já que existem cada vez mais vírus que podem infectar o aparelho.

Muitos tablets são vendidos em versões 2.3 do Android mas estes aparelhos devem ser evitados, e alguns serão atualizados.

Comente!




*Campos obrigatórios